Cuando salí de La Habana

Assim dizia uma música infantil lá da minha infância.

Cuando salí de La Habana de nadie me despedí

Sólo de un perrito chino que venía detrás de mí

Como el perrito era chino, un señor me lo cambió

Por un poco de dinero y unas botas de charol. 

Pequeno assim nem se imagina que se possa dar um tchau sem retorno. Como um pivete de pássaro do ninho num salto-voo sem paraquedas.

Deve ser feliz o sorriso do pássaro. E com certeza, o seu próximo cantar, de animal livre de assas e horizontes. Teus pais não sentirão sua falta, saberão sobreviver sem ti.

Já disse adeus as meus dias que foram de ser “só” feliz!

A vida é dia em dia. Hoje um hoje. Cada um, amanhecer.

 

Dame un pedazo, llévame en brazos,

que otra vez necesito sentirme en paz.

Patria sagrada, ansias del alba,

no te olvides que andamos muy mal sin ti.

Canta el Santi, ainda desde a firme terra que era a mesma ilha de nós dois; e de outros tantos cubanos que não chegaram até aqui. Uma, duas, quase três gerações. Tem quem diz, e isso é de fato um jeito humano de ser o de se compreender o existir, que as pessoas: eu, você, todos nós, somos deste país onde viemos a nascer.

 

Quisiera recordar lo que enterré para aliviarme:

soledad, locuras y tristezas.

Suspeito para mim, só para mim, que a vida é ali onde você estiver a respirar.

Fundas raízes para se esticar, e num forte impulso dos pês viver aquele pássaro que logo mais vai cantar sua liberdade.

 

Amor, ¿qué pasará si al despertar somos felices?

¿dónde irás? ¿dónde iré? ¿dónde irse?

Semente, não raiz. E bem nascer onde o vento for te levar para crescer.

Eis que em outras terras começo aprender, digo, outras formas de viver.

Como só amar aquela mulher de pernas abertas, e ondas salgadas batendo sem parar contra minhas costas? Aquela ilha-da-puta que tentou me abraçar para sempre, querendo me fazer por sempre feliz!

Sei lhe dizer adeus mulher, mesmo tendo que sofrer o quanto mais há de você em mim.

Porque vou te amar…  até certo fim.

 

 

ps. as letras são de Santiago Feliú. 

Anuncios

Responder

Introduce tus datos o haz clic en un icono para iniciar sesión:

Logo de WordPress.com

Estás comentando usando tu cuenta de WordPress.com. Cerrar sesión / Cambiar )

Imagen de Twitter

Estás comentando usando tu cuenta de Twitter. Cerrar sesión / Cambiar )

Foto de Facebook

Estás comentando usando tu cuenta de Facebook. Cerrar sesión / Cambiar )

Google+ photo

Estás comentando usando tu cuenta de Google+. Cerrar sesión / Cambiar )

Conectando a %s